Dicas de PC

Tudo Sobre PC é Aqui

Programas que Limpão o PC de arquivos inuteis!

Eu recomendaria só um qui eu acho o melhor só qui vou postar tres só qui eu recomendo o numero 1!blz?
lá vai
-1 Advanced system care

-2 Ccleaner

-3Glary Utilities

São esses os melhores!
eu recomendo o 1o pois eu o uso e ele limpa tudo mesmo e até desfragmenta memória e o registro e atualiza seus drivers!
Muito bom!
flws


Aumente as suas visitas com o Mega Tráfego!

dezembro 29, 2008 Posted by | Descubra, Dicas, Limpadores, Windows | Deixe um comentário

Programas que Limpão o PC de arquivos inuteis!

Eu recomendaria só um qui eu acho o melhor só qui vou postar tres só qui eu recomendo o numero 1!blz?
lá vai
-1 Advanced system care

-2 Ccleaner

-3Glary Utilities

São esses os melhores!
eu recomendo o 1o pois eu o uso e ele limpa tudo mesmo e até desfragmenta memória e o registro e atualiza seus drivers!
Muito bom!
flws


Aumente as suas visitas com o Mega Tráfego!

dezembro 29, 2008 Posted by | Descubra, Dicas, Limpadores, Windows | Deixe um comentário

Programas que Limpão o PC de arquivos inuteis!

Eu recomendaria só um qui eu acho o melhor só qui vou postar tres só qui eu recomendo o numero 1!blz?
lá vai
-1 Advanced system care

-2 Ccleaner

-3Glary Utilities

São esses os melhores!
eu recomendo o 1o pois eu o uso e ele limpa tudo mesmo e até desfragmenta memória e o registro e atualiza seus drivers!
Muito bom!
flws


Aumente as suas visitas com o Mega Tráfego!

dezembro 29, 2008 Posted by | Descubra, Dicas, Limpadores, Windows | Deixe um comentário

Deixando sua memória RAM mais rápida!

Como acelerar sua memória RAM para aumentar o desempenho do processador

Primeiramente, RAM é a Memória de Acesso Aleatório (do inglês Random Access Memory) é um tipo de memória utilizada como memória primária que possibilita leitura e escrita. Acesso aleatório porque ela possui capacidade de acessar qualquer posição quando necessário, não precisando seguir uma seqüência para obter dados.

É como se ela soubesse o endereço do local no qual precisa chegar, seguindo diretamente até ele ao invés de ficar parando de “casa” em “casa” até achar o destinatário ou remetente dos dados que necessita.

A memória RAM exerce influência de forma indireta sobre a velocidade de desempenho do processador instalado em seu computador. Não que ela por si só faça com que ele trabalhe mais rápido, porém o processador busca as instruções previamente armazenadas nela para uma execução mais rápida.

Logo, se estas informações não estiverem ali (normalmente por falta de espaço) necessitarão ser transferidas do disco rígido, CD, Zip disk, pendrive, etc. até a memória RAM, tomando mais tempo nesse processo.

Dessa forma, quanto maior quantidade de memória RAM mais instruções podem ser armazenadas e programas maiores poderão ser carregados de uma só vez e em menos tempo. Quando você recebe um aviso do Sistema Operacional indicando “Memória Insuficiente” ou “Memória Virtual Insuficiente”, este se deve ao fato de um programa que foi solicitada a abertura e ele não “caber” na memória RAM por falta espaço nela.

Alguns truques podem ser feitos para aumentar o espaço da RAM de forma a obter um maior aproveitamento dela e assim melhorar a agilidade no processamento de seus dados, otimizando, de forma indireta, a velocidade de seu computador. Abaixo seguem algumas dicas.

Primeiro, para saber quanto de memória RAM está instalada, acesse o “Painel de Controle” e “Sistema”. Na Guia “Geral” são exibidas juntamente com informações do Sistema Operacional e processador, as informações de Memória.

Uma forma de acelerar a memória RAM se faz aumentando a paginação da Memória Virtual, fazendo com que este espaço fique menos fragmentado cada vez que o Windows precisar ocupá-lo para carregar documentos. Este é um truque particularmente funcional especialmente para máquinas mais antigas.

Para isto, acesse o “Painel de Controle”, “Sistema” e entre na guia “Avançado”. Na opção “Desempenho”, clique em “Configurações” e acesse a guia “Avançado” e na opção “Memória Virtual” clique no botão “Alterar”.

Então, selecione a unidade na qual serão aplicadas as novas configurações.Para definir a sua paginação arquivo corretamente, é necessário seguir alguns padrões. Primeiramente, esta paginação pode ser criada em uma partição diferente da qual o Sistema Operacional está contido, de forma que ela não tenha que competir por espaço com a pasta do Sistema que é acessada sempre que há uma requisição de I/O (entrada/saída).

Da mesma forma, não há problema algum em criá-la na mesma partição e inclusive pode ser mais aconselhável se você armazena muitos dados importantes em seu computador para evitar inconvenientes no caso de falhas críticas (a famosa “tela azul”), pois o Windows utiliza esta paginação para escrever o arquivo de depuração de informações (“debug”).

O ideal é, nos campos de valores, definir o tamanho inicial e máximo de 1,5 vezes a quantidade de RAM que você tem. Outra forma de reduzir a fragmentação da paginação arquivo é para definir o tamanho inicial e máximo para o mesmo número.

Este último procedimento faz com que o arquivo não fique mudando seu tamanho e reduza o percentual de fragmentação. No entanto, você deve desfragmentar o disco rígido antes de fazer isso para garantir a paginação arquivo seja feita com o espaço otimizado.

Além disto, outro procedimento que pode ser aplicado é liberar o espaço da Memória RAM que não está mais sendo utilizado pelo Sistema. Por padrão, o Windows não possui o costume de “devolver” o espaço que utilizou mesmo após não precisar mais dele.

Então, o que pode acontecer é que após algum tempo de uso, sua memória RAM está inteiramente ocupada por programas que nem estejam sendo mais utilizados naquele momento, fazendo com que o computador fique mais lento e mais propenso a falhas.

Para efetuar este serviço, você pode contar com a ajuda de programas disponíveis para liberar este espaço, sendo alguns deles, inclusive, totalmente gratuitos. Abaixo, seguem alguns exemplos:
-Rambooster:
O Rambooster, é um programa leve, gratuito e de fácil operação e, também, ele conta com gráficos mostrando o uso da memória. Ele pode ser executado sempre que o Windows for carregado. Para isso, basta habilitar a caixa “Launch automatically at startup” existente na opção “Preferences” do menu “Edit”. Você também pode habilitar a caixa “Start minimized” existente na mesma tela para o programa ser iniciado minimizado.

Através do campo “Memory Control” você configura a quantidade de memória RAM que você precisa liberar e clicando em “Optimize” após essa configuração, o programa tentará liberar o máximo de memória RAM possível até que alcance o maior valor possível próximo ao valor configurado.

Você pode ainda clicar em “Send to Tray” para deixar o programa operando em segundo plano a partir da barra de ferramentas do Window. Ele também possui uma opção para acionar um alarme quando houver pouca memória RAM livre (esse valor pode ser alterado conforme desejado).

Ou seja, quando houver menos memória do que o selecionado disponível, o programa é acionado e limpa a memória RAM automaticamente. Para que esta configuração tenha efeito, o programa precisa estar ativado na barra de ferramentas.

RAM Medic

Assim como o O Rambooster, é um programa leve, gratuito e também opera com gráficos mostrando o uso da memória. Através de uma barra, você configura a quantidade de memória RAM que você precisa liberar e clicando em “Free Now!” após essa configuração, o programa tentará liberar o máximo de memória RAM possível até que alcance o maior valor possível próximo ao valor configurado.

Com o RAM Medic, ainda é possível gerenciar os processos, decidindo quais deles devem ter prioridade para usar maiores recursos de memória. O programa também conta com atalhos de teclado, os quais lhe permitem livrar de 10 a 70% de memória RAM.


Aumente as suas visitas com o Mega Tráfego!

dezembro 28, 2008 Posted by | Dicas, Windows, Windows Vista, Windows XP | Deixe um comentário

Deixando sua memória RAM mais rápida!

Como acelerar sua memória RAM para aumentar o desempenho do processador

Primeiramente, RAM é a Memória de Acesso Aleatório (do inglês Random Access Memory) é um tipo de memória utilizada como memória primária que possibilita leitura e escrita. Acesso aleatório porque ela possui capacidade de acessar qualquer posição quando necessário, não precisando seguir uma seqüência para obter dados.

É como se ela soubesse o endereço do local no qual precisa chegar, seguindo diretamente até ele ao invés de ficar parando de “casa” em “casa” até achar o destinatário ou remetente dos dados que necessita.

A memória RAM exerce influência de forma indireta sobre a velocidade de desempenho do processador instalado em seu computador. Não que ela por si só faça com que ele trabalhe mais rápido, porém o processador busca as instruções previamente armazenadas nela para uma execução mais rápida.

Logo, se estas informações não estiverem ali (normalmente por falta de espaço) necessitarão ser transferidas do disco rígido, CD, Zip disk, pendrive, etc. até a memória RAM, tomando mais tempo nesse processo.

Dessa forma, quanto maior quantidade de memória RAM mais instruções podem ser armazenadas e programas maiores poderão ser carregados de uma só vez e em menos tempo. Quando você recebe um aviso do Sistema Operacional indicando “Memória Insuficiente” ou “Memória Virtual Insuficiente”, este se deve ao fato de um programa que foi solicitada a abertura e ele não “caber” na memória RAM por falta espaço nela.

Alguns truques podem ser feitos para aumentar o espaço da RAM de forma a obter um maior aproveitamento dela e assim melhorar a agilidade no processamento de seus dados, otimizando, de forma indireta, a velocidade de seu computador. Abaixo seguem algumas dicas.

Primeiro, para saber quanto de memória RAM está instalada, acesse o “Painel de Controle” e “Sistema”. Na Guia “Geral” são exibidas juntamente com informações do Sistema Operacional e processador, as informações de Memória.

Uma forma de acelerar a memória RAM se faz aumentando a paginação da Memória Virtual, fazendo com que este espaço fique menos fragmentado cada vez que o Windows precisar ocupá-lo para carregar documentos. Este é um truque particularmente funcional especialmente para máquinas mais antigas.

Para isto, acesse o “Painel de Controle”, “Sistema” e entre na guia “Avançado”. Na opção “Desempenho”, clique em “Configurações” e acesse a guia “Avançado” e na opção “Memória Virtual” clique no botão “Alterar”.

Então, selecione a unidade na qual serão aplicadas as novas configurações.Para definir a sua paginação arquivo corretamente, é necessário seguir alguns padrões. Primeiramente, esta paginação pode ser criada em uma partição diferente da qual o Sistema Operacional está contido, de forma que ela não tenha que competir por espaço com a pasta do Sistema que é acessada sempre que há uma requisição de I/O (entrada/saída).

Da mesma forma, não há problema algum em criá-la na mesma partição e inclusive pode ser mais aconselhável se você armazena muitos dados importantes em seu computador para evitar inconvenientes no caso de falhas críticas (a famosa “tela azul”), pois o Windows utiliza esta paginação para escrever o arquivo de depuração de informações (“debug”).

O ideal é, nos campos de valores, definir o tamanho inicial e máximo de 1,5 vezes a quantidade de RAM que você tem. Outra forma de reduzir a fragmentação da paginação arquivo é para definir o tamanho inicial e máximo para o mesmo número.

Este último procedimento faz com que o arquivo não fique mudando seu tamanho e reduza o percentual de fragmentação. No entanto, você deve desfragmentar o disco rígido antes de fazer isso para garantir a paginação arquivo seja feita com o espaço otimizado.

Além disto, outro procedimento que pode ser aplicado é liberar o espaço da Memória RAM que não está mais sendo utilizado pelo Sistema. Por padrão, o Windows não possui o costume de “devolver” o espaço que utilizou mesmo após não precisar mais dele.

Então, o que pode acontecer é que após algum tempo de uso, sua memória RAM está inteiramente ocupada por programas que nem estejam sendo mais utilizados naquele momento, fazendo com que o computador fique mais lento e mais propenso a falhas.

Para efetuar este serviço, você pode contar com a ajuda de programas disponíveis para liberar este espaço, sendo alguns deles, inclusive, totalmente gratuitos. Abaixo, seguem alguns exemplos:
-Rambooster:
O Rambooster, é um programa leve, gratuito e de fácil operação e, também, ele conta com gráficos mostrando o uso da memória. Ele pode ser executado sempre que o Windows for carregado. Para isso, basta habilitar a caixa “Launch automatically at startup” existente na opção “Preferences” do menu “Edit”. Você também pode habilitar a caixa “Start minimized” existente na mesma tela para o programa ser iniciado minimizado.

Através do campo “Memory Control” você configura a quantidade de memória RAM que você precisa liberar e clicando em “Optimize” após essa configuração, o programa tentará liberar o máximo de memória RAM possível até que alcance o maior valor possível próximo ao valor configurado.

Você pode ainda clicar em “Send to Tray” para deixar o programa operando em segundo plano a partir da barra de ferramentas do Window. Ele também possui uma opção para acionar um alarme quando houver pouca memória RAM livre (esse valor pode ser alterado conforme desejado).

Ou seja, quando houver menos memória do que o selecionado disponível, o programa é acionado e limpa a memória RAM automaticamente. Para que esta configuração tenha efeito, o programa precisa estar ativado na barra de ferramentas.

RAM Medic

Assim como o O Rambooster, é um programa leve, gratuito e também opera com gráficos mostrando o uso da memória. Através de uma barra, você configura a quantidade de memória RAM que você precisa liberar e clicando em “Free Now!” após essa configuração, o programa tentará liberar o máximo de memória RAM possível até que alcance o maior valor possível próximo ao valor configurado.

Com o RAM Medic, ainda é possível gerenciar os processos, decidindo quais deles devem ter prioridade para usar maiores recursos de memória. O programa também conta com atalhos de teclado, os quais lhe permitem livrar de 10 a 70% de memória RAM.


Aumente as suas visitas com o Mega Tráfego!

dezembro 28, 2008 Posted by | Dicas, Windows, Windows Vista, Windows XP | Deixe um comentário

O que é Memória Virtual?


Memória virtual, a substituta da memória RAM.

Antes de poder explicar o que é a memória virtual, é importante ao menos falar um pouco a respeito da memória RAM antes. A memória RAM é o local que o processador utiliza para armazenar tudo que estiver aberto em seu computador, como jogos e todo tipo de programas. Assim, conforme vamos abrindo mais aplicativos, a RAM vai sendo consumida.

O problema é que temos um espaço limitado de memória RAM e, cada vez mais, os aplicativos consomem partes maiores dela. E o que o processador faz quando a memória RAM acaba? Muito simples: utiliza a memória virtual.

Memória virtual?
A memória virtual é um meio de
A memória virtual é uma espécie de arquivo que é criado no computador e o processador utiliza para armazenar dados que ele costuma deixar na memória RAM. É como se ele simulasse a memória RAM dentro do seu HD, por isso que se chama memória virtual.

E por que será que a memória RAM é mais cara? Não seria mais fácil simplesmente utilizar o HD para armazenar os dados? Não exatamente, porque a memória virtual é extremamente mais devagar do que a memória RAM. Dessa forma, se o seu computador estiver com pouca memória RAM e precisar usar a memória virtual para armazenar dados dos programas, com certeza o desempenho vai despencar.


Aumente as suas visitas com o Mega Tráfego!

dezembro 28, 2008 Posted by | Descubra, Dicas, O que é? | Deixe um comentário

O que é Memória Virtual?


Memória virtual, a substituta da memória RAM.

Antes de poder explicar o que é a memória virtual, é importante ao menos falar um pouco a respeito da memória RAM antes. A memória RAM é o local que o processador utiliza para armazenar tudo que estiver aberto em seu computador, como jogos e todo tipo de programas. Assim, conforme vamos abrindo mais aplicativos, a RAM vai sendo consumida.

O problema é que temos um espaço limitado de memória RAM e, cada vez mais, os aplicativos consomem partes maiores dela. E o que o processador faz quando a memória RAM acaba? Muito simples: utiliza a memória virtual.

Memória virtual?
A memória virtual é um meio de
A memória virtual é uma espécie de arquivo que é criado no computador e o processador utiliza para armazenar dados que ele costuma deixar na memória RAM. É como se ele simulasse a memória RAM dentro do seu HD, por isso que se chama memória virtual.

E por que será que a memória RAM é mais cara? Não seria mais fácil simplesmente utilizar o HD para armazenar os dados? Não exatamente, porque a memória virtual é extremamente mais devagar do que a memória RAM. Dessa forma, se o seu computador estiver com pouca memória RAM e precisar usar a memória virtual para armazenar dados dos programas, com certeza o desempenho vai despencar.


Aumente as suas visitas com o Mega Tráfego!

dezembro 28, 2008 Posted by | Descubra, Dicas, O que é? | Deixe um comentário

“Limpe” o Windows para melhorar seu desempenho


Muitas vezes, a lentidão de seu sistema pode ser resolvida através de uma “faxina”.

Com o passar do tempo, os usuários do Windows notam que seu sistema fica cada vez mais lento. Um dos motivos que leva seu computador a esta lentidão é a grande quantidade de arquivos inúteis que entulham sua máquina, o que pode ser melhorado através de uma “limpeza” geral.

O Baixaki vai lhe dar algumas dicas sobre como fazer esta faxina, que programas usar e como proceder, porém nada muito complicado. Assim, qualquer um poderá aproximar o desempenho do computador à sua capacidade máxima, sem nenhuma dificuldade. Então, vamos lá!

Remova os arquivos inúteis

O primeiro passo para tentar melhorar o desempenho de sua máquina é apagar arquivos inúteis. Para isso, você pode utilizar programas como CCleaner, nCleaner e Easy Cleaner. Estes programas lhe ajudarão a apagar arquivos temporários da internet, arquivos temporários de outros programas, erros de registro do Windows, etc.

Além da limpeza feita com estes programas, é interessante apagar manualmente alguns arquivos que ocupam bastante espaço, como os de backups de atualizações – presentes no caminho C:/Windows e que começam com o caractere $ (menos a $hf_mig$). Aproveite e apague todo o conteúdo da pasta C:/Windows/SoftwareDistribuition/Download, pois lá estarão contidos os arquivos de atualização baixados pelo Windows Update para o seu PC.

Chegou o dia da faxina!Através ainda de um destes programas citados anteriormente, é importante remover todos os programas de inicialização automática junto com o Windows, deixando apenas aqueles essenciais como antivírus e firewall.

Desfragmente o disco

Outra opção para melhorar o desempenho de seu computador é desfragmentar o seu disco rígido. A fragmentação é um processo natural do Windows e ela espalha diversas partes de um arquivo pelo seu sistema e na hora de abrir junta-as novamente.

Você pode evitar este processo desfragmentando o disco através do desfragmentador do Windows (Menu Iniciar > Acessórios > Ferramentas do Sistema > Desfragmentador de disco).

Existem ainda programas específicos para desfragmentar o seu disco, otimizando o desempenho de sua máquina. Você pode utilizar o JkDefrag e o JkDefrag GUI (este último uma interface gráfica para o primeiro), o SmartDefrag ou então o UltimateDefrag. Ambos os softwares servem exclusivamente para que você reúna novamente todos os “pedaços” de arquivos espalhados pelo seu sistema, o que deve deixar seu PC um pouco mais rápido.

Segurança do sistema

Agora que você já limpou tudo o que deveria, é importante possuir em sua máquina um programa antivírus e um anti-spyware. Você encontrará ótimas opções gratuitas como o AVG Anti-Virus Free, o Avast! Home Edition e o Avira AntiVir Personal Edition Classic. Todos os três são simples de serem configurados e deixarão seu PC mais protegido contra as ameaças presentes no mundo virtual.

Quanto aos programas anti-spyware, existem também diversas opções. Tente o Spybot Search & Destroy, o Ad-Aware 2008 e o Webroot Spy Sweeper. Além destas opções, é possível realizar esta checagem atrás de vírus e malwares em sua máquina através de aplicativos online. Clique aqui e acesse nosso artigo antivirus e anti-malwares online.


Aumente as suas visitas com o Mega Tráfego!

dezembro 28, 2008 Posted by | Descubra, Dicas, Limpadores, Windows, Windows XP | Deixe um comentário

“Limpe” o Windows para melhorar seu desempenho


Muitas vezes, a lentidão de seu sistema pode ser resolvida através de uma “faxina”.

Com o passar do tempo, os usuários do Windows notam que seu sistema fica cada vez mais lento. Um dos motivos que leva seu computador a esta lentidão é a grande quantidade de arquivos inúteis que entulham sua máquina, o que pode ser melhorado através de uma “limpeza” geral.

O Baixaki vai lhe dar algumas dicas sobre como fazer esta faxina, que programas usar e como proceder, porém nada muito complicado. Assim, qualquer um poderá aproximar o desempenho do computador à sua capacidade máxima, sem nenhuma dificuldade. Então, vamos lá!

Remova os arquivos inúteis

O primeiro passo para tentar melhorar o desempenho de sua máquina é apagar arquivos inúteis. Para isso, você pode utilizar programas como CCleaner, nCleaner e Easy Cleaner. Estes programas lhe ajudarão a apagar arquivos temporários da internet, arquivos temporários de outros programas, erros de registro do Windows, etc.

Além da limpeza feita com estes programas, é interessante apagar manualmente alguns arquivos que ocupam bastante espaço, como os de backups de atualizações – presentes no caminho C:/Windows e que começam com o caractere $ (menos a $hf_mig$). Aproveite e apague todo o conteúdo da pasta C:/Windows/SoftwareDistribuition/Download, pois lá estarão contidos os arquivos de atualização baixados pelo Windows Update para o seu PC.

Chegou o dia da faxina!Através ainda de um destes programas citados anteriormente, é importante remover todos os programas de inicialização automática junto com o Windows, deixando apenas aqueles essenciais como antivírus e firewall.

Desfragmente o disco

Outra opção para melhorar o desempenho de seu computador é desfragmentar o seu disco rígido. A fragmentação é um processo natural do Windows e ela espalha diversas partes de um arquivo pelo seu sistema e na hora de abrir junta-as novamente.

Você pode evitar este processo desfragmentando o disco através do desfragmentador do Windows (Menu Iniciar > Acessórios > Ferramentas do Sistema > Desfragmentador de disco).

Existem ainda programas específicos para desfragmentar o seu disco, otimizando o desempenho de sua máquina. Você pode utilizar o JkDefrag e o JkDefrag GUI (este último uma interface gráfica para o primeiro), o SmartDefrag ou então o UltimateDefrag. Ambos os softwares servem exclusivamente para que você reúna novamente todos os “pedaços” de arquivos espalhados pelo seu sistema, o que deve deixar seu PC um pouco mais rápido.

Segurança do sistema

Agora que você já limpou tudo o que deveria, é importante possuir em sua máquina um programa antivírus e um anti-spyware. Você encontrará ótimas opções gratuitas como o AVG Anti-Virus Free, o Avast! Home Edition e o Avira AntiVir Personal Edition Classic. Todos os três são simples de serem configurados e deixarão seu PC mais protegido contra as ameaças presentes no mundo virtual.

Quanto aos programas anti-spyware, existem também diversas opções. Tente o Spybot Search & Destroy, o Ad-Aware 2008 e o Webroot Spy Sweeper. Além destas opções, é possível realizar esta checagem atrás de vírus e malwares em sua máquina através de aplicativos online. Clique aqui e acesse nosso artigo antivirus e anti-malwares online.


Aumente as suas visitas com o Mega Tráfego!

dezembro 28, 2008 Posted by | Descubra, Dicas, Limpadores, Windows, Windows XP | Deixe um comentário

Cuidados que crianças e pré-adolescentes devem ter na internet


Confira algumas dicas e cuidados a serem tomados no Orkut e MSN

Atenção, atenção! Esse artigo é só para os baixinhos e pré-adolescentes que adoram Orkut e MSN. Um artigo feito para vocês que gostam de marcar o horário do futebol ou passeios pelo Orkut, além conversar com pessoas de todo o mundo pelo MSN. Isso realmente é muito legal, mas, infelizmente, existem perigos e pessoas malvadas por toda a rede de computadores, que acabam um pouco com toda essa alegria. Hoje você verá algumas dicas para não cair nas conversas dessas pessoas.

Privacidade no Orkut é essencial! Evite colocar o seu número de telefone, endereço de casa/escola ou qualquer outro tipo de informação pessoal que possibilite que uma pessoa estranha consiga lhe localizar. Mesmo existindo a opção para “Mostrar apenas para os amigos”, disponibilizar esses dados na internet pode ser perigoso.

Mais privacidade no Orkut, sempre é necessário.

Essas informações podem ser passadas diretamente para seus amigos. Durante uma conversa no intervalo de aula ou em uma anotação feita na última folha do caderno, seu número de celular e endereço podem ser passados aos colegas. Deixando na internet, outras pessoas podem acessá-as, e se essa pessoa não tiver uma boa conduta, pode acabar sendo perigoso para você.

Não envie recados no Orkut ou deixe como no nick do MSN frases do tipo: “Rafa, amanhã vou te esperar na frente da Sorveteria do João, lá pelas 14h”. Aparentemente, simples e normal, não acha? Mas não é! Levando em consideração que essas pessoas malvadas passam horas e horas monitorando as possíveis vítimas, um recado desse tipo é um perigo! E se alguém estiver vigiando você ocultamente pela internet? Essa pessoa saberá o local, o horário e com quem você vai passear.

Não deixe recadinhos assim.

Não são todas as pessoas que usam as configurações de privacidade no Orkut, e por isso, é melhor não dar chance ao azar. Se for para marcar um encontro, ligue para seus amigos ou conversem pessoalmente (e no cara a cara é muito mais divertido).

Esse era um conselho dado na época da minha avó, mas que serve perfeitamente nos dias de hoje. Ser simpático é importante, mas não fale com pessoas estranhas tanto na rua, no ônibus quanto na internet. Você já deve ter recebido solicitações de novos amigos, mas que na verdade são pessoas desconhecidas, que você nunca viu na vida. Tudo bem, no Orkut sempre tem gente querendo ser pop, com 1000 amigos e recados, mas não pense apenas na popularidade.

Desconfie de tudo. As fotos podem ser de uma pessoa da sua idade, com 12 ou 13 anos, mas quem garante que na frente do monitor é exatamente essa pessoa que está conversando com você? Muitas vezes, os pedófilos se passam por crianças ou adolescentes, conversando sobre os assuntos do momento para conquistar a confiança da galerinha. E no final das contas, eles coletam informações e imagens sobre você.

Poser e biquinhos são mais legais que fotos de biquini.Cuidado com suas fotos! As fotografias são tiradas para marcar os momentos divertidos na vida das pessoas. É muito comum acharmos as fotos das meninas sempre fazendo poses e bicos no banheiro, e os meninos no futebol ou jogando videogame!Até aí tudo bem, o problema aparece quando alguém tenta se mostrar demais nas fotografias.

Roupas de praia e íntimas não são apropriadas para aparecerem no Orkut ou no avatar do MSN. Alguma pessoa insana pode pegar sua foto de biquíni e usar para divulgação de prostituição e você nem saberá que sua imagem foi usada para esse fim. Além das fotos, não abuse na webcam no MSN.

Primeiro, se você não conhece o email de solicitação, para adicionar um novo contato, não aceite. Mas, se por algum motivo você aceitou, nada de ligar a câmera no mesmo instante para se mostrar ou para conhecer esse novo amigo desconhecido. Tem gente que adicionar e acaba vendo cenas pornográficas e isso não é nada legal.

Seja sincera, isso é muito bonito.Quem mente o nariz cresce! Se vivêssemos no mundo de Pinóquio, rapidamente saberíamos quem são as pessoas que mentem… Mas, infelizmente, as coisas não funcionam assim. Além das mentiras que os outros nos contam, também devemos ter um cuidado especial para não sermos os mentirosos da vez. Eu vi uma situação que vale a pena ser citada, em se referindo a mentiras que nós podemos, por algum deslize, “contar”.

Todo mundo sabe que demora alguns anos para que as curvas no corpo de uma menina apareçam, e com 9 anos de idade ela provavelmente não terá um “corpão”, não é mesmo? Mas o que me surpreendeu foi ver uma menina com essa idade, 9 anos, usando os sutiãs das irmãs e colocando papel higiênico como enchimento. Isso foi feito para fazer de conta que ela tinha seios grandes. Depois da produção, ela tirou algumas fotos e colocou no Orkut. Por que isso foi feito? Muitas pessoas, desde de pequenas como podemos ver, pensam muito na aparência: ser bonita e estar em forma é mais importante do que qualquer coisa no mundo!

Bobagem! Assim como Pitty diria “o importante é ser você, mesmo que seja estranho”. As pessoas que gostam de você não vão se importar com sua aparência, nenhum pouco. Pior do que mentir para os outros é mentir para você mesmo, querendo ser o que você não é na verdade. Além da imagem, também não minta sobre sua idade, onde mora e coisas do gênero.

Se você suspeita que alguma pessoa está mandando recados feios, com palavrões ou outro tipo de coisa, conte imediatamente par seus pais. Não fique com medo, sua mãe e seu pai não vai cortar a internet de você, pelo contrário, eles terão certeza que o (a) filho (a) deles está atento com os perigos que podem acontecer. Por isso, não perca tempo e conte rapidamente.

Qualquer coisa estranha, conte imediantamente para seus pais.

O Orkut e o MSN são ótimos meios de comunicação, por serem rápidos e muito divertidos. Portanto, use-os corretamente, fique sempre de olho bem aberto para não cair nas armadilhas que pessoas sem caráter possam aprontar.

dezembro 28, 2008 Posted by | Descubra, Dicas | Deixe um comentário